Reflexões sobre pós-graduação e reuniões de trabalho marcam segundo dia da Reunião Anual do Projeto Miseal na Unicamp

A manhã do segundo dia (21) da Reunião Anual do projeto Miseal foi marcada pela troca de experiências entre programas de pós-graduação em gênero/diversidade. O painel contou com a presença de Márcia dos Santos Macedo, coordenadora do Programa de Pós-graduação em Estudos Interdisciplinares sobre Mulheres, Gênero e Feminismo (PPG-NEIM/UFBA), que apresentou o programa, suas linhas de pesquisa, o corpo docente e o diálogo entre o ensino, a pesquisa e a extensão. Tratou ainda dos desafios enfrentados pelo Programa dado seu caráter interdisciplinar e voltado para o constante diálogo com a práxis feminista. Entre os principais desafios estão a sustentabilidade da proposta interdisciplinar frente aos atuais critérios de avaliação da pós-graduação no Brasil.
 
Compondo ainda o painel, contamos com a presença da coordenadora do Programa de Doutorado em Ciências Sociais da Unicamp, Angela Araújo, que apresentou o panorama histórico do Programa, a construção das áreas temáticas, a composição da docência, compartilhando experiências relacionadas a convênios e os desafios e as saídas que tem se construído para garantir o caráter interdisciplinar e reconhecimento da qualidade do programa que acolhe desde 1993 a linha dos estudos de gênero.
 
3
 
Completando o painel, Regina Facchini, coordenadora da área de estudos de gênero do Programa de Doutorado em Ciências Sociais da Unicamp, compartilhou os desafios da  articulação entre interdisciplinaridade e as questões centrais dos movimentos feministas. Resgatou a história da área de estudos de gênero e a consolidação de seus temas, apresentando dados acerca da quantidade e temas das teses defendidas e em andamento na área, sobre o perfil de atuação profissional dos doutores titulados entre 1999 e 2012 e das disciplinas oferecidas pelo corpo docente. Ressaltou a importância da articulação entre a área de estudos de gênero e o Núcleo PAGU para a concretização das atividades de ensino pesquisa e extensão em gênero na Unicamp.
 
Durante a tarde ocorreram as reuniões de trabalho, em que as sócias se dividiram nos seguintes temas do projeto: observatório e indicadores; transnacionalização; pós-graduação e avaliação. Foram abordados os objetivos, avaliação de resultados, apresentação de propostas, debates, encaminhamentos, divisão de tarefas e os prazos para 2013 entre as participantes.
 
2
 
Após o coffee break tivemos a apresentação do vídeo Práticas Feministas e Inclusão de Mulheres na Unicamp, produzido pela equipe Miseal Brasil, que contou com a presença de Luciana Ramirez da Cruz, ativista do Coletivo Feminista, encerrando as atividades deste dia.
 
 
 

Información adicional